RUBENS LUZ – “Somos pelo diálogo. Mas algumas coisas têm que ser melhor discutidas” | Noticias Tudo Aqui!

RUBENS LUZ – “Somos pelo diálogo. Mas algumas coisas têm que ser melhor discutidas”

Compartilhe:
 

Rubens Luz, coordenador geral do Sindicato dos Servidores dos Poderes Legislativos de Rondônia(Sindler), fala do novo tempo do sindicalismo brasileiro, das lutas, das bandeiras e da vocação do colegiado diretivo pela resolução das causas através do diálogo.

Veja a seguir, pequenas demonstrações da entrevista concedida ao noticiastudoaqui.com que, ao final, está completa em vídeo à disposição do leitor.

NOVO TEMPO

- Estamos no segundo ano sem o Imposto Sindical. Esta sede e a nossa sede campestre foram adquiridas com recursos desse tempo.

- Hoje o sindicato vive da contribuição dos associados. Tivemos que repensar o modelo de gestão.

“Sindicatos que viviam

debaixo do braço só para obter registro,

estão fadados a acabarem”

BANDEIRAS 

- Tivemos que retomar todas as negociações com a nova Mesa Diretora da Assembleia.

“Foi um ano difícil.

Mas estamos conseguindo sim,

Ter um bom diálogo.”

CONCURSO NA ALE

- São duas situações: uma é preencher as vacâncias decorrentes de aposentadorias. Outra, é que quando começou, não éramos 500 mil habitantes no estado. Hoje somos 2 milhões.

“O tamanho do parlamento é o mesmo. Mas as atividades deles exigem maior desempenho. E isso tem a ver com a quantidade de pessoal.”

- Tínhamos um prédio horizontal e hoje é um prédio vertical com 13 andares. O grau de necessidades é outra.

- A Constituição brasileira determina que os cargos comissionados sejam 50% dos cargos efetivos. 

“Temos um quadro de 220 efetivos.

Cerca de 10% em relação aos comissionados.        

Situação inversa do que determina a lei.

Algo para ser discutido.”

DÍVIDAS COM SERVIDORES

- Temos passivos de progressões e de desvio de função. Estes, são alguns exemplos. Alguns processos são pagos parceladamente.

                                                       “Com mudança da Mesa Diretora,                 

                                       ocorre suspensão de pagamento.

Aí temos que explicar tudo novamente.”  

- Mesmo tendo direito assegurado na Constituição, nós do Sindler preferimos o diálogo, a negociação, para resolver nossas demandas.

                             “Temos conseguido avanços.

            Mas respeitamos os

pontos divergentes.”

OS R$ 40 MILHÕES DE ECONOMIA

- Achamos louvável o esforço da Casa em economizar. Mas é preciso colocar que existe um passivo com os servidores.

“De quanto é mesmo a economia,

se juntei R$ 40 milhões

e devo R$ 10 milhões?”

Tudo que o leitor viu até aqui, são pequenas mostras da entrevista. No vídeo a seguir, terá conhecimento do pensamento do líder sindical refletindo as posições de sua coordenação diretiva.

Veja e faça seu juízo:

Fonte: noticiastudoaqui.com


 Comentários
Noticias da Semana
Dicas para te ajudar
TV Tudo Aqui