PODE DAR CERTO - Saiba quais são os carros novos mais baratos do país | Notícias Tudo Aqui!

PODE DAR CERTO - Saiba quais são os carros novos mais baratos do país

Compartilhe:

Modelo mais acessível custa R$ 68.990 hoje, segundo os sites das montadoras; governo quer valor menor que R$ 60.000

 

O governo federal anunciou um corte do IPI (Imposto sobre Produto Industrializado) e o PIS/Cofins que reduzirá de 1,5% a 10,96% o preço de carros de até R$ 120 mil. Os modelos mais baratos hoje custam R$ 68.990, segundo informações dos sites oficiais das principais empresas. O desconto máximo será de R$ 7.561 no valor do veículo, que passará a valer R$ 61.429. O governo avalia que as empresas poderão reduzir para menos de R$ 60.000.

O presidente da Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores), Márcio Lima Leite, disse que é muito possível ser vendido abaixo deste patamar com o esforço do setor.

Poder360 pesquisou nos sites oficiais das principais empresas do Brasil e procurou o automóvel que custa mais barato. Compare os preços e o desconto máximo de 10,96% em cada um dos modelos:

A MEDIDA

Para viabilizar essa redução, o governo cobrará menos impostos das indústrias. Diminuirá o IPI e o PIS/Cofins. O custo fiscal da iniciativa ainda é incerto. O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, terá até 15 dias para apresentar os dados.

Por ter impacto na arrecadação do governo em período de ajuste fiscal, a medida será temporária, mas não há um prazo definido pelo governo.

Os descontos só valem para carros que custam menos de R$ 120 mil. Envolvem 33 modelos e 11 marcas distintas. A redução de preços será definida com base em 3 itens:

  • Social – quanto mais barato o veículo, maior o desconto;

  • Industrial – quanto mais peças brasileiras o veículo tem, maior o desconto;

  • Ambiental – quanto menos CO2 gasta, maior o desconto.

Portanto, para obter 10,96% de desconto –o máximo possível– o carro precisa ser um dos mais baratos atualmente, ter materiais da indústria brasileira e ser mais sustentável do ponto de vista ecológico.

O setor automobilístico responde por 20% do PIB (Produto Interno Bruto) da indústria da transformação e está com 50% da sua capacidade instalada ociosa, informou o Ministério do Desenvolvimento da Indústria, Comércio e Serviços.

Os descontos valerão para os carros que serão fabricados ou estão nas concessionárias. Vale a partir que a MP (medida provisória) for publicada, prevista para até 15 dias.

RENOVAÇÃO DA FROTA

O objetivo do governo é renovar a frota em circulação no país. O Programa Rota 2023 entrará na 2ª fase no 2º bimestre. Tentará reduzir em 50% a emissão de CO2 dos veículos automotores até 2030 em relação a 2005.

(Poder360)


 Comentários
Dicas para te ajudar
TV Tudo Aqui