SEM REFRESCO - Mal pisou no Rio, o novo técnico do Fla é cobrado."O Mundial, Dome..." | Noticias Tudo Aqui!

SEM REFRESCO - Mal pisou no Rio, o novo técnico do Fla é cobrado."O Mundial, Dome..."

Compartilhe:

O espanhol Domènec Torrent, já está no Brasil. O ex-auxiliar técnico de Guardiola sabe o que precisa fazer. "Ganhar, ganhar, ganhar"

 

5h40, desta manhã de segunda-feira.

No distante aeroporto Internacional do Galeão.

Auge da pandemia no Brasil.

30 torcedores do Flamengo aguardavam ansiosos, tensos, a chegada do espanhol escolhido para substituir o Mister.

Mais pelo menos outros 30 membros da imprensa, entre jornalistas, radialistas, câmeras, fotógrafos. Mesmo com a entrevista de apresentação do treinador estando marcada para hoje, às 12h30.

E logo ao desembarcar da Europa, Domènec Torrent sentiu o que é o Flamengo. Seguranças do clube e do aeroporto tiveram de protegê-lo dos afoitos torcedores, que insistiam em abraçá-lo, apertar suas mãos, tocá-lo.

Domènec já tocou no ponto crucial do trabalho. Vai manter os princípios de Jesus

Chegava o homem que promete continuar dando orgulho, alegria para cerca de 40 milhões de brasileiros, apaixonados pelo vermelho e preto.

O esperto ex-auxiliar de Guardiola, por dez anos, sabe muito bem o que todos esperam dele.

"No Flamengo, a gente tem que ganhar, ganhar e ganhar. Porque o Flamengo é um dos grandes clubes do mundo. Então, acho que estamos preparados, prontos para tentar ganhar títulos e jogar bonito.

"Estou muito feliz por fazer parte desse grande clube, dessa grande nação. Acho que estou pronto para tentar ganhar títulos com essa grande torcida", falou, com as frases que ensaiou no voo até o Rio de Janeiro.

Com o devido boné da torcida organizada do Flamengo na cabeça.

E é exatamente isso que ouviu do vice Marcos Braz e do diretor Bruno Spindel, que conversaram pessoalmente com ele. Mas a palavra final foi de Rodolfo Landim, convencido da maneira com que Torrent pretende comandar o Flamengo.

O treinador mostrou sua inteligência ao assumir que, no início, não entrará em choque com a filosofia de Jorge Jesus, que fez o clube campeão da Libertadores, Brasileiro, Carioca e vice mundial.

Braz e Spindel fizeram a seleção dos técnicos europeus. Apostaram em Domènec

"O mais importante agora é respeitar o trabalho do Jorge Jesus porque é um time ganhador. E aí, pouco a pouco, vou mudar um pouco as coisas. Mas a intenção é ficar no Brasil muitos anos.

"Quando estou feliz no clube, e o clube está feliz comigo, quero ficar quatro, cinco anos... Quero poder dizer que ganhamos e que o clube está muito feliz comigo", avisou, tocando em outro ponto sensível, o abandono do português ao clube, para voltar ao Benfica, mesmo executando o melhor trabalho de sua carreira.

Domènec já avisou à direção do Flamengo que pretende começar a trabalhar com elenco a partir de hoje. E quer comandar o clube na estreia do Brasileiro, diante do Atlético, no Maracanã. A equipe mineira, comandada por Jorge Sampaoli, fez contratações milionárias e se posiciona como a grande rival para acabar com a hegemonia rubro negra no Brasil.

Como auxiliar de Guardiola, acumulou 23 títulos. 

La Liga – 2008/09, 09/10 e 10/11
Bundesliga – 2013/14, 14/15 e 15/16
Premier League – 2017/18
Champions League – 2008/09 e 10/11 (Barcelona)
Supercopa Europeia – 2009/10 e 11/12 (Barcelona) e 13/14 (Bayern de Munique)
Mundial de Clubes – 2009/10 e 11/12 (Barcelona) e 13/14 (Bayern de Munique)
Copa da Espanha – 2008/09 e 11/12
Supercopa da Espanha – 2009/10, 10/11 e 11/12
Copa da Alemanha – 2013/14 e 15/16
Copa da Liga Inglesa – 2017/18

Mas como técnico só um.

O da Terceira Divisão da Espanha, com o Girona, em 2004/2005.

Aos 58 anos, ele também quer se firmar na carreira como treinador principal.

E sabe da imensa cobrança que o espera.

Os mesmos torcedores, que lutaram para chegar perto dele, gritavam, já íntimos.

"Vamos ganhar o Mundial, Dome. 

"O Mundial..."

Fonte: R7


 Comentários
Noticias da Semana
Dicas para te ajudar
TV Tudo Aqui